Menu
Justamente
Entrar Criar site

Webinar no marketing jurídico: como organizar eventos online?

Equipe Justamente 25/04/22

Entre os diversos tipos de materiais ricos que os advogados podem oferecer no marketing jurídico, o webinar é um seminário online, que pode ou não ser transmitido ao vivo, e trazer informações importantes sobre determinado tema.

Diferente de outros tipos de materiais, que podem atrair um público maior e mais variado, o webinar tem um público-alvo bem específico: aquele que, realmente, tem interesse em aprender e entender sobre o assunto que é abordado no material.

Tais eventos online são boas estratégias para os advogados que buscam a conquista de clientes de uma forma mais rápida, já que o público é mais singular e pode estar mais perto da decisão de contratação – a depender do tema apresentado.

Quer essa estratégia no seu marketing jurídico? Saiba como organizar e produzir um webinar e veja algumas vantagens de usar esse material para ampliar a visibilidade e o alcance do seu escritório.

Como organizar um webinar no marketing jurídico?

O webinar funciona como um seminário online, tratando sobre um assunto específico. No marketing jurídico, você pode falar sobre algum tema relacionado à sua área de atuação, que seja de interesse de potenciais clientes.

Sendo assim, o primeiro passo deve ser o planejamento. É importante que você se organize para saber o que você irá abordar no webinar, e também sobre a parte técnica – uma vez que é um seminário online, você deve ter uma estrutura para fazer a transmissão ao vivo, permitindo a interação da audiência, e, depois, disponibilizá-la para quem não pôde participar, se você quiser.

A seguir, entenda o que compõe cada uma das três etapas envolvidas na elaboração de um seminário online: planejamento, desenvolvimento e divulgação.

Planejamento

O planejamento do seu webinar jurídico é essencial, até mesmo para que você tenha uma ideia de como ficará o material produzido.

Em primeiro lugar, defina o tema do seminário online. Pense nos assuntos relacionados à sua área de atuação e que podem ser interessantes para o seu público-alvo.

Lembre-se de que o tema deve ser atrativo para pessoas que podem estar precisando dos seus serviços, ou que queiram saber mais sobre determinada área jurídica.

O webinar jurídico pode ser feito apenas por você, com somente um apresentador, ou, ainda, com outros convidados. Pense sobre isso e fale com as pessoas que você deseja convidar com antecedência.

Com isso já em mente, crie um roteiro, elencando os pontos que precisam ser mencionados e explicados. Neste passo, vale a pena ser bem detalhista e escrever tudo o que você pretende abordar no seu material.

A publicidade jurídica, de acordo com a Ordem dos Advogados do Brasil, deve ser totalmente informativa e educativa. É por meio de informações corretas e relevantes, além da sua maneira de falar e de toda a bagagem jurídica que você tem, que os participantes do webinar reconhecerão a sua autoridade no assunto, e terão mais confiança para entrar em contato caso seja preciso.

Portanto, foque em oferecer um conteúdo rico, com informações importantes, que sejam de interesse do seu público e que faça, realmente, a diferença na vida de quem te assistirá.

Ao elaborar o seu roteiro, estruture-o adequadamente. Dê destaque aos pontos e frases que você pretende destacar no seu webinar, para não passar nada batido. Faça isso também para que você se lembre que, nessas partes, é preciso dar destaque.

Em seguida, monte uma apresentação para passar durante o seu webinar e deixá-lo mais dinâmico. Isso ajuda sua audiência a memorizar seu conteúdo e a entendê-lo melhor, e ajuda a você também, já que será como partes destacadas do seu roteiro na sua própria tela.

Já sabendo o que você irá falar e o que não pode faltar no conteúdo, pense na parte técnica do webinar. Independentemente se você for fazer uma transmissão ao vivo ou se só irá gravar o conteúdo e disponibilizá-lo ao público, é fundamental que você tenha uma câmera e um microfone, ambos de boa qualidade.

Dependendo do seu celular, você pode utilizá-lo para fazer o vídeo, sem precisar de outro tipo de câmera. Já o microfone deve permitir que a sua audiência te escute bem, de forma clara, audível e sem ruídos.

Neste caso, considere usar um fone de ouvido com microfone ou comprar um microfone de lapela.

Além disso, o ambiente onde você irá gravar o material também merece atenção. Ele deve ter uma boa acústica, evitando ecos, e uma boa iluminação, para que você seja visto sem problemas pelos participantes.

Por fim, defina a data e a hora do seu evento online. Verifique o calendário e veja o melhor dia e horário para marcar o webinar, considerando sempre o seu público-alvo.

Desenvolvimento

Na etapa de desenvolvimento do webinar jurídico, você deve estar preparado para falar com autoridade diante da câmera e proporcionar uma boa experiência para quem estiver participando do evento. Portanto, vale a pena ler e reler com atenção o roteiro e a apresentação, e até ensaiar um pouco.

Caso o seminário online seja ao vivo, escolha a plataforma para transmitir o conteúdo. É possível escolher entre as mais conhecidas e gratuitas, como YouTube Live, Facebook Live e Instagram ao Vivo, ou entre ferramentas pagas, como Zoom, WebinarNinja, GoToWebinar, entre outras.

É interessante que você faça o evento ao vivo, de modo a viabilizar a interação da audiência com você. Assim, você proporciona um webinar mais dinâmico e ainda permite que os participantes tirem dúvidas sobre o conteúdo com você em tempo real.

Antes de começar o seminário, faça alguns testes. Procure saber exatamente sobre o funcionamento de transmissões ao vivo na plataforma que você escolher, a fim de evitar problemas no dia do seu evento. Veja se o áudio e a imagem estão bons, assim como a iluminação e o seu ângulo no vídeo.

Vale lembrar que uma boa internet faz toda a diferença. Veja toda a configuração da sua rede antes de começar o webinar, para evitar travamentos e interrupções durante a transmissão.

Assim, dê início ao seminário online. Você pode começar dando boas-vindas aos participantes, se apresentando e falando um pouco sobre tudo o que será falado durante o evento. Tudo isso pode – e é recomendado – estar presente no seu roteiro.

Divulgação

A divulgação do seu webinar deve ser antes e depois da realização do evento, principalmente se ele for transmitido ao vivo.

Com a data e horário já definidos, faça um planejamento para divulgar o seminário online, a fim de atrair participantes. É possível falar sobre o material no seu site jurídico, nas suas redes sociais, e até investir em mídia paga, como o Google Ads.

Você pode criar uma página no seu site apenas sobre o webinar, inserindo as informações do evento online e os benefícios da participação. Além disso, pode fazer diversos posts nas redes sociais, incluindo uma contagem regressiva. Apenas tome cuidado para não ficar muito repetitivo.

Convidar seus clientes e inscritos na sua newsletter também é uma excelente opção. Em um de seus e-mails marketing, faça o convite, e nas comunicações seguintes, coloque um pequeno lembrete, com o tema do webinar, data e horário.

Vale a pena, ainda, criar um link de inscrição, até mesmo para que você tenha uma estimativa de quantas pessoas irão participar do seminário online. Neste caso, não deixe de inseri-lo em todas as ações de divulgação. Uma dica é usar os formulários do Google, que são gratuitos.

Terminado o webinar, caso você deixe o material disponível de alguma forma para download ou nos seus canais de comunicação, divulgue essa informação também. Informe seus clientes, seguidores e visitantes que eles ainda podem ter acesso ao conteúdo compartilhado.

Assim, a mesma dica sobre a divulgação antes do webinar jurídico é válida: utilize o seu site, suas redes sociais e seus e-mails marketing.

Quais as vantagens de fazer um webinar jurídico?

Ter o webinar como uma das estratégias do marketing jurídico é uma boa ideia, já que existem várias vantagens em oferecer este tipo de conteúdo.

De acordo com o tema abordado no seminário online, você pode atrair mais ou menos pessoas. No entanto, mesmo atraindo um número menor de interessados, seu resultado pode ser ainda melhor: assuntos mais específicos costumam atrair as pessoas que realmente estão interessadas nos seus serviços e que estão muito mais perto do processo de contratação, diferente do público presente em webinars com assuntos mais amplos.

Além disso, é uma oportunidade para você demonstrar sua autoridade no assunto, podendo tornar-se uma referência na área abordada para quem te acompanha.

Outra vantagem é que você varia o tipo de conteúdo oferecido, podendo atrair pessoas que se interessam por este tipo de mídia. Um formato interativo e em áudio e vídeo pode ser mais chamativo do que um ebook para determinado público, por exemplo.

Use o webinar no marketing jurídico para levar mais pessoas ao seu site

Entre os benefícios de oferecer um webinar aos interessados pelos conteúdos que você produz, está também a possibilidade de levar mais pessoas ao seu site. Isso pode trazer resultados tanto no tráfego orgânico (tráfego espontâneo) da sua página online, como na percepção do público quanto às informações presentes no site, como os artigos do seu blog.

O marketing jurídico pode ser composto por várias estratégias, porém, o site profissional é a principal. É por meio do seu site que você obtém sua presença online, pode ser encontrado no Google e demais buscadores, e disponibiliza as informações mais importantes sobre o seu escritório, como áreas de atuação e serviços prestados, meios de contato, horários de atendimento, entre outras.

A criação de um site pode ser bem complexa, exigindo muito tempo, trabalho ou dinheiro, o que acaba se tornando um desafio para o profissional jurídico. Sabendo disso, a Justamente permite que você faça o seu site jurídico profissional em menos de 5 minutos e, o melhor, sem pagar nada.

Somos uma plataforma gratuita de criação de sites, pensada por advogados e para advogados. Os sites oferecidos são feitos por programadores, web designers e desenvolvedores, garantindo total profissionalismo à página criada.

Para fazer o seu, faça um cadastro com um e-mail e senha e responda algumas perguntas sobre o seu escritório, como áreas de atuação e serviços prestados. Para finalizar, escolha o tema com cor e fonte, que podem ser alterados a qualquer momento. Veja um passo a passo detalhado deste processo nesta matéria!

Ainda tem dúvidas sobre como podemos te ajudar na criação do seu site jurídico? Entre em contato conosco pelo WhatsApp, (11) 95647-8227, ou escreva para [email protected]

Veja também!