Menu
Justamente
Entrar Criar site

SEO On Page para site jurídico: como aprimorar a página em 5 passos

Equipe Justamente 23/02/22

O desenvolvimento do SEO On Page pode melhorar muito o desempenho do seu site jurídico. As técnicas de SEO (Search Engine Optimization), que em português significa Otimização para Mecanismos de Busca, melhoram alguns aspectos da sua página e a deixam mais visível para buscadores como Google, Bing, Yahoo! e outros.

A partir disso, o site do seu escritório ganha mais visibilidade. Conquistando mais posições nos buscadores, as chances de ser encontrado por quem busca pelas áreas de atuação e serviços prestados por você e seus sócios ou colaboradores só aumentam.

A seguir, entenda mais sobre o que é o SEO On Page, saiba como ele ajuda a melhorar o desempenho do seu site e veja 5 passos para aprimorar o seu site jurídico.

O que é SEO On Page?

O SEO em si é o conjunto de técnicas que buscam otimizar um site para que ele seja encontrado mais rapidamente e com mais facilidade pelo Google e demais buscadores.

Já o SEO On Page diz especialmente sobre as estratégias utilizadas na página, sua estrutura e seus conteúdos. Como o próprio nome diz, em português, é o SEO “na página”, diferente do SEO Off Page, que envolve técnicas realizadas fora do site.

Portanto, o SEO On Page no site jurídico consiste em um grupo de técnicas para aperfeiçoar o seu site e o que está dentro dele – sua estrutura, design, conteúdos, entre outros elementos.

Com um bom desempenho, o Google e outros buscadores verão a sua página web com bons olhos, colocando-a entre os resultados de pesquisa. Neste caso, quanto melhor for a sua posição, mais acessos seu site terá, e mais pessoas conhecerão seu escritório.

5 passos de SEO On Page para aprimorar seu site jurídico

Veja agora 5 passos de SEO On Page que vão te ajudar a melhorar o desempenho do seu site jurídico e a trazer mais resultados para o marketing digital do seu escritório.

1. Tenha um site responsivo

Um site responsivo é aquele que tem um design que se adapta às telas dos diferentes dispositivos.

Os usuários do seu site podem acessá-lo tanto por um computador quanto por um celular. Sendo assim, é importante que toda a página seja bem visualizada em qualquer um dos aparelhos.

Ao criar o seu site, não esqueça da responsividade. Ela é de suma importância para que o seu visitante tenha uma boa experiência e conheça outras áreas do seu site.

Além disso, este ponto também influencia nas taxas de aceitação e rejeição.

Um site responsivo pode ser bem visualizado a partir de qualquer dispositivo, o que tende a manter o visitante na página por mais tempo, ao contrário do que acontece com um site não responsivo – ao ter dificuldades para navegar no site ou para entender as informações e o design, o visitante pode facilmente desistir e voltar à página de resultados.

Com a Justamente, os advogados não precisam se preocupar com a responsividade do site. Todos os sites criados com a plataforma já são responsivos, garantindo muito mais praticidade ao profissional. Clique aqui e faça o seu em menos de 5 minutos!

2. Otimize as imagens utilizadas

O segundo passo de SEO On Page é otimizar as imagens utilizadas no seu site jurídico. O uso de imagens é fundamental para ter uma página mais atrativa e ilustrar as informações passadas.

A partir disso, existem algumas técnicas para deixar tais ilustrações da melhor forma para que o desempenho do seu site não seja comprometido.

Uma delas é se atentar ao tamanho e formato das imagens. Imagens muito pesadas interferem no carregamento do site, o que também influencia nas taxas de aceitação ou rejeição. Uma página web que leva muito tempo para carregar não costuma ter bons resultados, já que boa parte dos usuários desiste rapidamente.

O ideal é utilizar imagens leves. Caso você faça o download de alguma ilustração em um banco gratuito de imagens e ela esteja muito grande, você pode usar sites ou aplicativos, como o TinyPNG, para comprimi-la e deixá-la num tamanho menor.

O formato da imagem também precisa de atenção. Procure fazer o upload já no formato em que você pretende utilizar. Para fazer o redimensionamento é possível usar o próprio Paint ou uma ferramenta gratuita da Adobe.

Além disso, ainda é importante que você permita que o Google identifique as suas imagens e as selecione como um possível resultado.

Desta forma, antes de fazer o upload da figura, renomeie o arquivo de acordo com os elementos da imagem ou com o título da sua matéria.

Depois de subi-la para o seu site, determine o texto alternativo, para que o Google entenda o tema da imagem, e para garantir uma melhor experiência aos usuários com deficiência visual.

3. Especifique as Meta tags

No SEO On Page, as Meta tags são elementos dos seus conteúdos que aparecem nas páginas de resultados de pesquisas do Google e outros buscadores.

É importante que elas sejam bem definidas, pois, como aparecem nas páginas de resultados, têm poder de influência – elas são responsáveis por convencerem os usuários a clicarem no link do seu site.

As principais meta tags são o Title Tag e a Meta Descrição. Tratam-se, respectivamente, do título e de uma breve descrição de determinado conteúdo.

Mesmo sendo o título do seu conteúdo, o Title Tag não precisa ser idêntico ao título que está na sua página. Dentro do seu site, você tem mais espaço para desenvolver um título mais informativo, enquanto na página de resultados ele deve ser mais curto e objetivo.

SEO-tittle-tag

Já a meta descrição, por ser um campo descritivo, pode ser um pouco mais extensa, mas ainda curta e objetiva. Basicamente, ela deve informar ao leitor o que ele encontrará na página e persuadi-lo a visitar o site.

SEO-meta-description

Ao elaborar cada uma das Meta tags, não esqueça de incluir a palavra-chave principal em cada uma delas. É importante para que o Google e o leitor saibam que, de fato, a sua página fala sobre o termo pesquisado por ele.

4. Crie uma URL amigável

A URL é o endereço do seu site e de suas respectivas páginas. Uma URL amigável, por sua vez, é uma URL que é de fácil entendimento e memorização.

Para isso, ela deve ser curta, simples e com a palavra-chave principal. Números e sinais gráficos podem complicar a memorização e, por isso, devem ser evitados.

5. Dê atenção ao marketing de conteúdo

O último passo de SEO On Page para você aplicar no seu site jurídico é investir no marketing de conteúdo.

Uma das formas de você atrair novos visitantes e convertê-los em clientes é produzindo matérias informativas sobre os assuntos relacionados ao seu escritório.

Assim, algumas técnicas são necessárias não apenas para que o texto fique claro e entendível para o leitor, mas também para que o Google o reconheça como um conteúdo de qualidade e o coloque em uma posição de destaque em suas páginas de resultados.

A seguir, veja algumas das principais estratégias para você colocar em prática no seu marketing de conteúdos jurídicos.

A palavra-chave é o termo utilizado pelo usuário para fazer determinada pesquisa. Sendo assim, após fazer o planejamento de conteúdo de acordo com a sua área de atuação e serviços prestados e o que é interessante para o seu público-alvo, concentre-se na palavra-chave.

Todo o seu artigo deve ser produzido em torno desta expressão ou conjunto de termos (a palavra-chave também pode ser uma frase completa). Neste caso, é interessante que ela esteja presente no seu texto com certa frequência.

Apesar disso, não seja repetitivo. Além de deixar o conteúdo maçante e cansativo, isso também pode resultar em penalizações do Google. Por isso, utilize a palavra-chave com moderação – use-a quando necessário, de maneira natural, sem deixar o texto forçado.

Para te ajudar nesta etapa, você também pode – e deve – utilizar sinônimos, variações e expressões relacionadas. Assim, você também pode ser encontrado pelos usuários que utilizarem outras palavras-chave em suas pesquisas.

Dica! A ferramenta gratuita Google Keyword Planner pode ser útil para encontrar as variações e expressões relacionadas à sua palavra-chave. Para utilizá-la, basta ter uma conta no Google.

É fundamental que os seus artigos sejam entendidos pelo seu público-alvo. Dessa forma, escreva de maneira clara e com expressões comuns, entendidas por leigos. Isso significa que é interessante abrir mão do juridiquês e de expressões mais técnicas.

Caso uma expressão técnica seja indispensável para o contexto, use-a, mas não deixe de dar uma explicação. Assim, seu leitor não ficará confuso e conseguirá prosseguir com o raciocínio.

No marketing de conteúdos jurídicos, não basta produzir qualquer artigo superficialmente, apenas para preencher espaço no site do seu escritório. Os conteúdos produzidos por você e sua equipe devem ser de qualidade, completos e ricos.

Sabendo que a produção de conteúdos informativos é um dos pilares do marketing jurídico, empenhe-se em desenvolver materiais que entregam informações precisas e valiosas ao seu público-alvo.

Artigos pequenos e rasos não são boas opções. Além de não conterem informações completas e que podem ajudar os leitores, eles também tendem a não conquistar uma boa posição no Google e outros buscadores.

Sua intenção com a matéria produzida deve ser entregar informações completas ao seu leitor. Por isso, não economize palavras e dê profundidade ao seu material.

Uma boa estratégia de SEO On Page para o seu site jurídico é dividir os seus artigos em headings. As headings são títulos e subtítulos que deixam seu conteúdo mais organizado, o que facilita a leitura e a deixa mais dinâmica.

Um texto corrido sem nenhuma divisão, de cara, já assusta um pouco o leitor. Ele terá que ler todo o conteúdo para encontrar uma informação específica. Já um texto estruturado com títulos e subtítulos orienta o público sobre cada parte dele.

Por fim, usar links internos e externos nas suas produções podem enriquecê-las ainda mais.

Os links internos levam o leitor a outras partes do seu site, o que permite que ele conheça mais o seu escritório, serviços prestados, e considere uma contratação a partir de uma necessidade.

Neste caso, é possível mencionar outras matérias relacionadas, ou até mesmo o link para o formulário de contato.

Já os links externos trazem mais credibilidade para o seu artigo, principalmente se forem de fontes oficiais, como órgãos governamentais, institutos renomados, agências reguladoras e entidades máximas.

Qual a importância do SEO On Page em um site jurídico?

O marketing jurídico possui uma série de regras para serem seguidas. Basicamente, todo e qualquer material divulgado deve ser meramente informativo, sem configurar captação de clientela ou a mercantilização da profissão, com discrição e sobriedade.

Sendo assim, resta ao advogado produzir materiais ricos, completos e com profundidade, para atrair leitores e possíveis clientes.

Apesar desta produção ser uma ótima estratégia, é preciso utilizar técnicas de aperfeiçoamento para que os seus conteúdos realmente cheguem a quem procura ou precisa dos seus serviços jurídicos.

É neste ponto onde o SEO On Page entra. Colocar em prática as técnicas para otimização do seu site fará com que as páginas presentes nele e os seus conteúdos apareçam com mais facilidade nos resultados de pesquisa nos buscadores.

Assim, sua visibilidade só aumenta, o que influencia nas chances de contratação.

Ainda não tem um site jurídico?

Criar um site pode exigir muito tempo e trabalho, ou muito dinheiro. Por essa razão, alguns advogados podem ver a tarefa como um desafio. Sabendo disso, a Justamente permite que você faça o seu site jurídico profissional em menos de 5 minutos e, o melhor, sem pagar nada por isso.

Somos uma plataforma gratuita de criação de sites, pensada por advogados e para advogados. Os sites oferecidos são feitos por programadores, web designers e desenvolvedores, garantindo total profissionalismo à página criada.

Para fazer o seu, faça um cadastro com um e-mail e senha e responda algumas perguntas sobre o seu escritório, como áreas de atuação e serviços prestados. Para finalizar, escolha o tema com cor e fonte, que podem ser alterados a qualquer momento. Veja um passo a passo detalhado deste processo nesta matéria!

Feito isso, seu site estará pronto e você já poderá divulgá-lo para seus clientes, amigos e familiares, além de colocá-lo na sua assinatura de e-mail, cartão de visitas e outros materiais.

Ainda tem dúvidas sobre como podemos te ajudar na criação do seu site jurídico? Entre em contato conosco pelo WhatsApp, (11) 95647-8227, ou escreva para [email protected]

Veja também!