Menu
Justamente
Entrar Criar site

Palavras-chave para marketing jurídico: por que utilizar?

Equipe Justamente 22/12/21

No marketing jurídico, o uso das palavras-chave é primordial. Podemos falar que a palavra-chave, também chamada de keyword, é um dos fatores mais importantes do marketing digital, onde tudo acontece em torno dela.

As keywords nada mais são do que as expressões utilizadas pelo público para fazer determinada pesquisa. São o centro da busca, podendo ser uma única palavra, ou até uma frase inteira.

A partir do momento em que são o centro da busca, ou seja, da dúvida do usuário, devem ser também o centro da resposta. Sendo assim, no meio do marketing jurídico, as palavras-chave são, também, o centro do desenvolvimento de uma página específica de um site, ou ainda de um conteúdo mais completo, como um blog post.

Nesta matéria, saiba mais sobre a importância de utilizar as keywords no marketing digital do seu escritório, e veja algumas dicas de como definir as suas para ter sucesso com o seu site e aparecer na primeira página do Google.

Por que utilizar as palavras-chave no marketing jurídico?

Sabendo que as palavras-chave são as expressões utilizadas pelo usuário para fazer determinada pesquisa nos mecanismos de busca, é normal e fundamental que elas também estejam envolvidas na resposta.

Se você pretende dar mais visibilidade ao seu escritório com um site jurídico, perfil em rede social ou presença em outras plataformas, o seu conteúdo deve ser a resposta para o usuário – não apenas para receber acessos, mas também para demonstrar credibilidade e construir sua autoridade.

Sendo assim, é absolutamente necessário que o seu conteúdo, uma vez que é a resposta para o usuário, tenha a palavra-chave usada por ele para fazer a pesquisa, assim como seus sinônimos, variações e expressões relacionadas.

Sem a palavra-chave, o Google não tem como relacionar o seu material com a busca realizada. E se a sua página não aparecer entre os resultados apresentados, dificilmente você acumulará acessos, principalmente de quem ainda não conhece o seu escritório.

Ao observar a imagem abaixo, é possível entender a importância da palavra-chave.

propaganda-advogado-palavra-chave
Passe o mouse sobre a imagem para ampliá-la.

É a keyword que faz com que o seu conteúdo, site ou outro tipo de página apareça entre os resultados, atraindo, assim, mais visitantes.

Como usar as keywords no marketing digital para advogados?

As palavras-chave sempre devem estar presentes nas suas estratégias de marketing jurídico. É possível colocá-las na página principal do site do seu escritório e nas eventuais landing pages (páginas extras), assim como nos conteúdos produzidos para o blog.

Você também pode acrescentá-las nas suas publicações nas redes sociais, em títulos e descrições de vídeos no YouTube ou outra plataforma de vídeo, ou ainda nos seus artigos publicados em plataformas profissionais, como o Jusbrasil.

Vale saber que as redes sociais e o YouTube também podem ser considerados mecanismos de busca, já que possuem uma lupa para pesquisa. Neste caso, os seus posts aparecerão nas próprias plataformas, ou até mesmo nas páginas de resultados do Google – como acontece com vídeos no YouTube e posts no Facebook.

Definidas as palavras-chave, basta criar um conteúdo em torno dela, utilizando-a sempre que necessário, mas sem exagerar, para não deixar o texto artificial e sobrecarregado – o que acaba dificultando a leitura. Para entender melhor, vejamos um exemplo.

Um advogado que atua em defesa do consumidor sabe que uma das formas de seu público-alvo lhe procurar é usando o nome da sua área de atuação ou serviço prestado. Assim, ele deve colocar os termos adequados na página principal do seu site, como “Direitos do Consumidor”, “Negativação Indevida”, “Propaganda Enganosa”, “Erro médico”, entre outros.

Além disso, ele também pode elaborar uma landing page específica sobre os principais direitos do consumidor. Nela, ele deve explicar melhor sobre o que é o direito do consumidor, podendo citar e explicar os direitos mais conhecidos dos consumidores, e respondendo a outras questões relacionadas, encontradas na pesquisa de termos associados à palavra-chave.

Da mesma forma, em seu blog jurídico, ele sabe que o público pode ter dúvidas sobre alguns direitos que protegem suas relações de consumo. Assim, depois de pesquisar a palavra-chave “direitos do consumidor” e conhecer as principais dúvidas do usuário relacionadas a essa expressão, ele pode dar início à produção de conteúdo em seu blog jurídico.

Em primeiro lugar, a keyword precisa estar no título do artigo. Ela também deve estar presente no primeiro parágrafo e no restante do conteúdo, sem muitas repetições, mas sempre que couber a utilização. Use-a nos intertítulos, assim como os seus sinônimos e variações, para não deixar a leitura mecânica, e também no subtítulo (uma pequena descrição sobre a matéria produzida).

Perceba que a palavra-chave está sempre envolvida nos conteúdos das diferentes páginas. Ela deve estar presente de maneira natural, facilitando a leitura para o seu visitante e, ao mesmo tempo, permitindo que os robôs do Google identifiquem o seu material.

Palavras-chave e SEO

Além de utilizar as keywords na produção de conteúdo para as páginas do seu site e para o seu blog, existe mais um cuidado a ser tomado. Há algumas configurações no seu site que fazem com que você seja encontrado com mais facilidade.

Essas configurações fazem parte das técnicas de SEO, Search Engine Optimization, ou, em português, Otimização para Mecanismos de Busca. Tratam-se de estratégias que, como o próprio nome diz, otimizam o seu site para que ele seja facilmente encontrado pelos buscadores.

Ao estar com o seu conteúdo pronto, atente-se às configurações de pesquisa da página. É preciso definir o title tag, a meta descrição e também a URL. Em todas essas estruturas, a palavra-chave precisa estar presente.

Title tag e meta descrição são elementos do seu conteúdo que aparecem nas páginas de resultados do Google ou outro buscador. São, respectivamente, o título da sua página e um breve resumo do conteúdo existente, como mostra a imagem abaixo.

title-tag-meta-descricao-justamente
Passe o mouse sobre a imagem para ampliá-la.

A URL também é exibida nos resultados e analisada pelos robôs do Google. Por isso, deve ter a palavra-chave e ser amigável – ou seja, curta e sem números ou outros sinais gráficos, sendo de fácil entendimento e memorização.

Vale a pena, também, incluir as keywords nas imagens. No seu dispositivo, antes de subir a imagem para o site, renomeie o arquivo e coloque a palavra-chave. O mesmo vale para o texto alternativo, depois que a imagem já estiver no banco de imagens do site.

Saiba mais sobre dicas de SEO nesta matéria.

Como encontrar as palavras-chaves corretas para o marketing jurídico?

É possível utilizar várias ferramentas para encontrar as palavras-chave adequadas para o seu marketing jurídico. Há plataformas gratuitas e mais simples, como o Google Keyword Planner, e pagas e mais avançadas, como o SEMRush.

Para usar o Google Keyword Planner, basta ter uma conta no Gmail. Por ele, você sabe quais são os termos de maior volume associados à sua área de atuação, assim como sinônimos, variações e outras expressões relacionadas.

google-keyword-planner
Passe o mouse sobre a imagem para ampliá-la.

O SEMRush, por sua vez, traz um resultado mais completo, com variações da palavra-chave, perguntas e palavras-chave relacionadas, além do volume de busca em cada expressão. Ele também permite que você analise os dados do seu site e veja quais são os termos que mais atraem visitantes.

semrush
Passe o mouse sobre a imagem para ampliá-la.

De qualquer maneira, você ainda pode observar o comportamento dos seus concorrentes e ver quais keywords eles utilizam. Assim, é possível criar seu próprio conteúdo e entrar na disputa pela melhor posição.

Como criar um site para o meu escritório?

Ter um site é uma das etapas mais importantes do marketing jurídico. Por mais que você esteja presente nas redes sociais, o site é uma página que transmite mais credibilidade e profissionalismo, agregando muito mais valor ao negócio.

É por meio dele, também, que você pode utilizar as palavras-chave e ser encontrado nas páginas de resultados dos buscadores, o que pode aumentar consideravelmente a sua visibilidade.

A Justamente sabe que a criação de um site pode ser bem trabalhosa, exigindo muito tempo ou muito dinheiro. Por isso, ela é uma plataforma gratuita de criação de sites, que permite que o advogado crie seu site em menos de 5 minutos e, o melhor, sem pagar nada por isso.

Pensada por advogados e para advogados, a Justamente oferece sites feitos por programadores, web designers e desenvolvedores, garantindo total profissionalismo à página criada.

Para fazer o seu, faça um cadastro com um e-mail e senha e responda algumas perguntas sobre o seu escritório, como áreas de atuação e serviços prestados. Para finalizar, escolha o tema com cor e fonte, que podem ser alterados a qualquer momento. Veja um passo a passo detalhado deste processo nesta matéria!

Feito isso, seu site estará pronto e você já poderá divulgá-lo para seus clientes, amigos e familiares, além de colocá-lo na sua assinatura de e-mail, cartão de visitas e outros materiais.

Ainda tem dúvidas sobre como podemos te ajudar na criação do seu site jurídico? Entre em contato conosco pelo WhatsApp, (11) 95647-8227, ou escreva para [email protected]

Veja também!