Menu
Justamente
Entrar Criar site

Outbound Marketing para advogados: o que é e como aplicar?

Equipe Justamente 10/03/22

O outbound marketing é conhecido como uma forma ativa de publicidade, na qual você identifica quem pode se interessar pelo seu produto e serviço, e faz uma abordagem, muitas vezes, inclusive, interrompendo a ação do consumidor. Mas, para os advogados, será que essa é uma boa estratégia?

Ao decidir divulgar seu escritório e serviços jurídicos, o advogado deve ter alguns cuidados, principalmente a respeito do que diz a Ordem dos Advogados do Brasil sobre essa prática. Sabendo disso, surge a dúvida se o outbound marketing é permitido e, se sim, como é possível aplicá-lo.

A seguir, saiba mais sobre como funciona na prática o outbound marketing e como os advogados podem utilizá-lo nas suas estratégias.

O que é outbound marketing?

O outbound marketing é uma forma ativa de buscar a conquista de novos clientes para o seu escritório. Enquanto o inbound marketing é a forma passiva e trabalha com conteúdos que atraem os potenciais clientes, quem atua com o outbound vai até o potencial cliente e faz sua tentativa.

Trata-se de uma maneira mais “agressiva” de fazer publicidade, para, de fato, chegar até o seu público-alvo sem que haja uma procura específica da parte dele.

Um dos benefícios do outbound marketing é que ele gera resultados a curto prazo, tanto positivos quanto negativos, ao mesmo tempo em que os resultados no inbound vêm a médio e longo prazo.

Dessa forma, fica mais fácil ver qual estratégia está dando certo e pode ser mantida, e qual não tem trazido os resultados esperados e precisa de reestruturação.

Como funciona o outbound marketing para advogados?

À primeira vista, o outbound não parece uma boa ideia para o marketing jurídico. Sabendo que, de acordo com a OAB, a publicidade na advocacia deve ter caráter meramente informativo, prezando pela discrição e sobriedade, e sem configurar captação de clientela e a mercantilização da profissão, o inbound marketing pode parecer ser uma solução mais adequada.

No entanto, isso não é verdade. O Provimento 205/2021, em seu 4º artigo, permite a utilização da publicidade ativa. Há, sim, algumas ressalvas, mas não são coisas que proíbem o outbound marketing na advocacia.

O documento explica:

“[…] poderá ser utilizada a publicidade ativa ou passiva, desde que não esteja incutida a mercantilização, a captação de clientela ou o emprego excessivo de recursos financeiros, sendo admitida a utilização de anúncios, pagos ou não, nos meios de comunicação, exceto nos meios vedados pelo art. 40 do Código de Ética e Disciplina e desde que respeitados os limites impostos pelo inciso V do mesmo artigo e pelo Anexo Único deste provimento”.

Sendo assim, o investimento em Google Ads, o impulsionamento de posts nas redes sociais e o envio de e-mails marketing são alguns exemplos de estratégias presentes no outbound marketing que podem ser aplicadas pelos advogados sem ferir as normas da OAB, e que podem trazer bons resultados a curto prazo.

Por que o outbound marketing é importante no marketing jurídico?

Embora o inbound marketing seja uma opção mais barata e que traz resultados que permanecem por mais tempo, eles demoram mais para chegar. Ou seja, são resultados de médio a longo prazo.

Olhando por esse lado, o outbound pode ser uma opção mais interessante para quem tem condições de investir e precisa de resultados a curto prazo.

Vale saber que as duas estratégias são válidas. Mesmo sendo diferentes, ambas podem ser aplicadas no marketing digital do seu escritório e te ajudar a trazer mais reconhecimento para a sua marca.

O outbound é importante para que você não espere ser encontrado por potenciais clientes, mas os encontre primeiro.

Como aplicar o outbound marketing para advogados?

Para te ajudarmos a colocar o outbound em prática, separamos 3 dicas principais, de acordo com o que é permitido ao advogado. Confira!

1. Faça campanhas no Google Ads

O Google Ads, que também era conhecido como Google Adwords antigamente, é a plataforma de anúncios do Google. Com ele, seu site pode ficar entre os primeiros resultados do buscador a depender da pesquisa realizada.

Diferente do ranqueamento orgânico, que se baseia em técnicas de SEO e outros algoritmos para manter uma página online entre os primeiros resultados do mecanismo de pesquisa, o uso do Google Ads faz com que seu site apareça antes mesmo dos resultados orgânicos.

O processo de criação de campanha funciona, basicamente, com a compra de palavras-chave específicas, que, quando pesquisadas no Google, fazem com que seu site apareça entre os anúncios nos resultados.

Vale dizer que, em algumas situações, a plataforma é muito útil principalmente para advogados que precisam de novas contratações o quanto antes, lembrando de que trata-se de uma estratégia que traz resultados a curto prazo.

Para criar sua campanha, siga as instruções presentes nesta matéria e confira os valores disponíveis, e se eles cabem no seu orçamento.

Não deixe de fazer o acompanhamento para ver os resultados, e, se necessário, faça as melhorias indicadas para fazer valer seu investimento.

2. Impulsione publicações nas redes sociais

O impulsionamento de post em redes sociais como Instagram e Facebook é mais uma opção de outbound marketing que os advogados podem colocar em prática.

A ação faz com que a publicação impulsionada chegue a mais pessoas, inclusive a quem ainda não segue o seu perfil.

Diferente do Google Ads que demanda uma pesquisa, o impulsionamento não depende disso, fazendo com que o post apareça aos usuários enquanto veem o seu feed.

Além de chegar a um público maior, você também aumenta as chances de conquistar mais seguidores e até novos clientes.

Uma vez que o Instagram e o Facebook fazem parte do mesmo conglomerado empresarial, é possível configurar o impulsionamento de publicações pelo Meta Business, plataforma presente no Facebook.

Na configuração, você deverá selecionar uma série de opções, como objetivo, público-alvo, valor e tempo de duração do anúncio.

Confira as matérias presentes no nosso blog que contêm o processo mais detalhado para fazer o impulsionamento no Instagram e no Facebook.

3. Envie e-mails marketing

Por fim, o envio de e-mails marketing também é considerado uma das práticas de outbound marketing e que pode ser usada pelos advogados.

Ao enviar uma comunicação por e-mail a quem se interessa pelos seus serviços, você busca manter o relacionamento com o usuário e a sua fidelização. Assim, fica mais fácil conquistar uma contratação e, até mesmo, indicações.

No entanto, alguns cuidados são necessários para que essa estratégia dê certo. O primeiro deles é a atenção com as normas da OAB quanto a isso.

O e-mail marketing não é proibido, porém, não pode ser enviado a qualquer pessoa. Apenas os usuários que te deram essa permissão podem receber seus comunicados.

Além disso, tome cuidado com a frequência. Não envie e-mails demais, pois isso pode acabar afastando quem você deseja atrair.

Atente-se também com o conteúdo do e-mail. Materiais que tenham frases de comparação, autoengrandecimento, menção a honorários e promoções, assim como o estímulo ao litígio são vedados pela OAB.

Neste caso, foque em conteúdos mais informativos, com temas relevantes para os seus destinatários. É possível elaborar newsletters, cartões comemorativos, avisos importantes e até atualizações do seu blog, o que aumentará os acessos ao seu site.

Nesta matéria, veja mais sobre os tipos de e-mail marketing que você pode incluir na sua estratégia para conseguir mais resultados.

Ainda não tem um site jurídico?

Ter um site jurídico é fundamental para que você estabeleça a sua presença online e amplie a visibilidade do seu escritório. Especialmente no outbound marketing, os advogados podem incluir seus respectivos sites na campanha do Google Ads, por exemplo, e conseguir mais visitantes e clientes em potencial.

Além disso, o site do seu escritório é parte essencial do seu marketing jurídico. É nele onde você pode adicionar as informações mais importantes sobre o seu negócio – como meios de contato, horários de atendimento, áreas de atuação e serviços oferecidos – e conteúdos relevantes para o inbound marketing.

No entanto, a criação de um site pode exigir muito tempo, trabalho ou dinheiro. Sabendo disso, a Justamente permite que você faça o site profissional do seu escritório em menos de 5 minutos e, o melhor, sem pagar nada por isso.

Somos uma plataforma gratuita de criação de sites, pensada por advogados e para advogados. Os sites oferecidos são feitos por programadores, web designers e desenvolvedores, o que garante total profissionalismo à página criada.

Para fazer o seu, faça um cadastro com um e-mail e senha e responda algumas perguntas sobre o seu escritório, como áreas de atuação e serviços prestados. Para finalizar, escolha o tema com cor e fonte, que podem ser alterados a qualquer momento. Veja um passo a passo detalhado deste processo nesta matéria!

Feito isso, seu site estará pronto e você já poderá divulgá-lo para seus clientes, amigos e familiares, além de colocá-lo na sua assinatura de e-mail, cartão de visitas e outros materiais.

Ainda tem dúvidas sobre como podemos te ajudar na criação do seu site jurídico? Entre em contato conosco pelo WhatsApp, (11) 95647-8227, ou escreva para [email protected]

Veja também!