Menu
Justamente
Entrar Criar site

Marketing jurídico: 3 formas de obter feedback dos clientes

Equipe Justamente 13/04/22

O marketing jurídico é uma ótima maneira de atrair potenciais clientes e aumentar a visibilidade do seu escritório, alcançando até mesmo pessoas de outras cidades e estados. Da mesma forma, ter o feedback dos clientes é fundamental para que você continue ou faça as modificações necessárias nos seus serviços, e em seus métodos de divulgação.

Nesta matéria, separamos 3 maneiras de obter o feedback de seus clientes para sempre oferecer o melhor serviço e chegar mais perto do seu público-alvo. Confira!

1. Tenha formulários de avaliação

Os formulários de avaliação são uma ferramenta muito útil que pode te ajudar a coletar opiniões e avaliações sobre diversos assuntos, principalmente sobre os seus serviços prestados e conteúdos veiculados.

Uma das formas de enviar um formulário de avaliação é por meio de um e-mail marketing, que também pode fazer parte da sua estratégia de marketing jurídico e trazer bons resultados para o seu escritório. Neste caso, use a comunicação para pedir o feedback de seus clientes e de quem recebe seus e-mails.

Explique por que esse feedback é importante para o seu escritório, dizendo também que ele pode influenciar na maneira que você presta os seus serviços, faz seus atendimentos e divulga seus conteúdos, seja nos próprios e-mails marketing, seja no blog do seu site jurídico ou nas redes sociais em que tem conta profissional.

É possível disponibilizar o formulário no próprio corpo do e-mail, ou enviar um link o qual o destinatário pode acessar e responder o formulário.

Você também pode enviar seu formulário de avaliação pelo WhatsApp ou outras formas de comunicação. Novamente, não esqueça de explicar a importância do feedback para você, para que o seu atendimento e serviço seja sempre melhor para o cliente.

É importante, ainda, que você saiba como desenvolver este formulário. Pense muito bem antes de elaborá-lo, considerando a realidade de seus clientes e o que, de fato, fará diferença para você.

Procure fazer um formulário pequeno, que não tome muito tempo do seu cliente. Além disso, coloque perguntas diretas e deixe um espaço livre para que a pessoa possa colocar os comentários que ela achar pertinentes.

Outra coisa que é interessante colocar no seu questionário é a opção de se identificar ou não. Alguns clientes podem se sentir mais confortáveis respondendo à pesquisa de forma anônima. Por isso, permita que haja essa escolha.

Por fim, analise quando você enviará este questionário. É possível enviá-lo apenas ao final da prestação dos serviços, ou ainda periodicamente, principalmente se você quiser saber sobre o impacto das suas ações de marketing.

2. Converse pessoalmente com seus clientes

A segunda maneira de ter um feedback dos seus clientes é conversar pessoalmente com eles. A depender de cada cliente, você pode ter essa conversa em uma reunião ou em um evento externo informal, como um café, almoço ou jantar.

Na reunião, você não precisa, necessariamente, ter a reunião exclusivamente para obter o feedback. É possível aproveitar reuniões sobre o caso ou momentos de encontro para assinatura de contratos e outros papéis para, ao final, perguntar a opinião do cliente sobre o serviço prestado.

O mesmo acontece em eventos externos. Caso você tenha um bom relacionamento com o seu cliente, seja advogado dele há tempos ou seja seu colega, a conversa com o feedback será ainda melhor. Seu cliente confiará em você e poderá ser franco e honesto, sem que exista algum tipo de constrangimento.

Sendo assim, analise sua cartela de clientes e trace a melhor estratégia para ter os feedbacks de cada integrante – encontro presencial, virtual ou telefonema.

3. Use plataformas de avaliação do seu site

Para ter o feedback dos seus clientes sobre os seus serviços prestados, é preciso falar com eles, seja por meio de formulários de avaliação, seja por uma conversa pessoal e franca. Já para ter o feedback sobre as suas estratégias de marketing jurídico, é possível utilizar plataformas específicas que analisam o desempenho do seu site e redes sociais.

A primeira delas que vamos destacar é o Google Analytics. A ferramenta do Google é gratuita e pode te ajudar a monitorar o seu site, trazendo informações sobre tráfego – visitas recebidas, tempo de permanência na página e taxa de rejeição.

Acompanhe o número de visitantes, saiba de onde eles acessam o seu site e em quais horários você tem mais acessos. Acompanhe também o seu desempenho nas redes sociais, sabendo quantos acessos a essas plataformas você teve.

O Google Search Console também é uma ferramenta gratuita e que te ajuda a ter um feedback do seu marketing jurídico, permitindo que você monitore e gerencie a sua presença no buscador do Google.

Com ela, você pode ver se suas páginas estão sendo indexadas (reconhecidas pelo Google) e quais posições elas ocupam – ou seja, qual o ranqueamento de cada uma. Veja também quais são os possíveis problemas que afetam esse ranqueamento, e tenha ajuda para resolvê-los.

Além disso, analise os dados sobre a usabilidade das suas páginas nos diferentes dispositivos, como a quantidade de acessos e a velocidade do carregamento.

Outra ferramenta que também pode ser útil na sua captação de feedback sobre o seu marketing jurídico é o SEMrush, que, diferente das outras duas plataformas mencionadas, não é gratuito, apesar de ser mais completo.

Com ele, você pode fazer uma auditoria do seu site e identificar os possíveis problemas que afetam o desempenho do seu site, como velocidade de carregamento, rastreabilidade, links quebrados, entre outros.

Por que ter o feedback de clientes na advocacia?

Para o advogado, receber o feedback de seus clientes é fundamental, seja para melhorar os serviços prestados e a divulgação de seus conteúdos jurídicos, seja para manter um bom relacionamento com o cliente e fidelizá-lo.

Essa ação ajuda o advogado a não apenas obter retornos sobre a sua atividade, como também demonstra ao cliente que o profissional se importa com a sua opinião – o cliente se sente valorizado e, a depender das condições oferecidas pelo profissional jurídico, pode se sentir à vontade para dar sua opinião sincera.

É importante que o advogado busque o feedback independente do cliente. Receber uma avaliação boa é excelente, porém, as críticas também devem ser consideradas, pois elas podem indicar um problema real que deve ser solucionado por você.

A partir disso, é necessário procurar a melhor solução para resolver a questão e melhorar, a cada dia, o seu atendimento e serviços prestados.

E no marketing jurídico?

O marketing jurídico é uma prática essencial para os advogados que desejam ampliar a visibilidade de seus escritórios. E, assim como o feedback dos seus clientes é importante para que você melhore a sua prestação de serviços, o feedback das suas ações de marketing digital também é.

Isso porque você precisa, necessariamente, saber qual o desempenho dos seus investimentos no marketing. É primordial que você saiba se suas produções de conteúdo (tanto no blog quanto em redes sociais), campanhas de tráfego pago e outras estratégias estão trazendo o resultado previso e desejado.

Desenvolver ações e mais ações de marketing sem saber sobre os resultados faz com que você ande no escuro e ainda corra o risco de perder tempo investindo em estratégias que não são adequadas para o seu negócio, considerando, principalmente, o seu público-alvo.

Apesar disso, é possível, ainda, que suas estratégias estejam corretas, porém, precisando de otimizações. Utilizando as plataformas que indicamos acima, você consegue saber o que está dando certo e o que não, e o que pode dar certo caso as melhorias necessárias sejam aplicadas.

Ainda não tem um site jurídico?

Ter um site para o seu escritório é uma das principais estratégias de marketing jurídico. Além de poder colocar as informações mais importantes sobre os seus serviços e oferecer conteúdos e materiais ricos para o seu público, por ele você também pode conseguir os feedbacks que precisa.

No entanto, desenvolver essa etapa pode não ser tão fácil. Sendo um processo complexo, a criação de um site pode exigir muito trabalho, tempo ou dinheiro.

Sabendo disso, a Justamente permite que você faça o seu site jurídico profissional em menos de 5 minutos e, o melhor, sem pagar nada por isso. Somos uma plataforma gratuita de criação de sites, pensada por advogados e para advogados.

Os sites oferecidos são feitos por programadores, web designers e desenvolvedores, garantindo total profissionalismo à página criada.

Para fazer o seu, faça um cadastro com um e-mail e senha e responda algumas perguntas sobre o seu escritório, como áreas de atuação e serviços prestados. Para finalizar, escolha o tema com cor e fonte, que podem ser alterados a qualquer momento. Veja um passo a passo detalhado deste processo nesta matéria!

Feito isso, seu site estará pronto e você já poderá divulgá-lo para seus clientes, amigos e familiares, além de colocá-lo na sua assinatura de e-mail, cartão de visitas e outros materiais.

Ainda tem dúvidas sobre como podemos te ajudar na criação do seu site jurídico? Entre em contato conosco pelo WhatsApp, (11) 95647-8227, ou escreva para [email protected]

Veja também!