Menu
Justamente
Entrar Criar site

Conteúdo viral para advogados: 9 dicas para criar um

Equipe Justamente 18/10/21

Conteúdos virais são uma boa estratégia de marketing. Tratam-se de publicações – textos, imagens, vídeos, entre outros formatos – que se tornam amplamente conhecidos, presentes em várias redes sociais.

A partir de um conteúdo viral, uma marca pode ter um grande reconhecimento. Atingindo um público muito maior do que aquele que já se tem, a visibilidade do negócio é rapidamente multiplicada.

Para advogados, ter um conteúdo viral pode ser uma boa forma de chegar a mais pessoas e aumentar suas chances de ter novas contratações. Sendo assim, essa estratégia não deve ser descartada.

Nesta matéria, entenda melhor sobre os conteúdos virais, veja 9 dicas para criar um e saiba a importância desse tipo de divulgação para o seu marketing jurídico.

O que é um conteúdo viral?

Um conteúdo viral é aquele que torna-se conhecido rapidamente e por um público muito grande. A cada compartilhamento, mais pessoas o veem, o que só colabora para a sua viralidade.

Diferente de conteúdos que são divulgados apenas para um público específico, ou até mesmo aqueles que são impulsionados, os conteúdos virais conseguem ter uma visibilidade ainda maior, uma vez que podem estar presentes em várias redes sociais, inclusive em aplicativos de mensagens.

Um dos fatores que faz com que o conteúdo viral seja mais divulgado do que outras publicações é a conexão e identificação do público com ele. A identificação traz um maior envolvimento, principalmente com emoções. Com isso, há o compartilhamento em massa.

Como criar um conteúdo viral para advogados?

Apostar na criação de um conteúdo viral para advogados é uma ótima maneira de tentar levar seu material a mais pessoas, aumentando suas chances de expandir sua cartela de clientes.

A seguir, confira 9 dicas para você criar um conteúdo viral e atrair mais visitantes para o seu perfil ou site jurídico.

1. Tenha um conteúdo relacionado com a sua área e com o seu público

Antes de pensar em viralizar um conteúdo, é fundamental que você ofereça algo de qualidade, e que tenha a ver com a sua área de atuação e com o seu público. Caso contrário, por mais que você viralize, o objetivo de converter os usuários das redes sociais em clientes ficará mais distante.

Em primeiro lugar, o conteúdo deve estar relacionado com os serviços que você presta e, se for o caso, com a sua especialidade. Conteúdos que não seguem essa linha podem ficar destoados da sua página ou perfil profissional.

Em segundo lugar, a publicação deve ter a ver com a realidade do seu público. Para viralizar, ela não precisa ser tão específica assim – até mesmo para o maior número de pessoas possível entender – mas é importante que siga a linha dos posts que você já tem.

Fazendo isso, o público se identificará com a sua publicação, o que só colabora para a sua viralidade.

2. Fale na língua do público

Assim como o conteúdo deve ter a ver com a realidade do seu público, ele também deve ser entendido por várias pessoas. Isso quer dizer que expressões jurídicas devem ser evitadas e substituídas por expressões mais comuns.

Fique longe do juridiquês e fale a língua do seu público. Afinal, é essencial que ele te entenda. Um conteúdo não entendível não se tornará viral.

3. Conte uma história

Conteúdos que contam uma história estão entre os que mais têm chance de viralizarem. Isso prende mais a atenção do público, que tem o interesse em saber o que acontecerá no final. Assim, você consegue gerar envolvimento entre as pessoas e a publicação, o que resultará no compartilhamento do conteúdo.

Esse envolvimento pode ser de várias maneiras, mas tende a incluir sentimentos. O leitor se envolve com a sua publicação porque teve alguma sensação despertada enquanto a acompanha. Pode ser alegria, tristeza, raiva, comoção, entre outras emoções.

4. Saiba quando publicar

O timing também é importante para o conteúdo viral para advogados. Você pode falar sobre um assunto que esteja em evidência na mídia e nas próprias redes sociais, ou utilizar recursos que estejam em alta, como memes e hashtags.

Além disso, o horário do post também deve ser considerado. Procure saber em qual horário do dia o seu público mais acessa as plataformas sociais, pois isso faz com que o conteúdo seja visto com mais rapidez. A publicação em horários em que as pessoas estão trabalhando ou dormindo, por exemplo, pode retardar a visibilidade.

5. Aposte em conteúdos curtos

Conteúdos curtos viralizam com mais facilidade. Isso porque o tempo para que a atenção do leitor esteja cativa à publicação é menor – quanto mais tempo tiver o conteúdo, maior deverá ser o esforço para prender a atenção da audiência.

Produzir conteúdos menores também é mais econômico, em todos os sentidos. Você gasta menos tempo e usa menos recursos. Além disso, principalmente se o post for em formato de vídeo, ele sendo curto exige menos dados móveis do público, que, assim, consegue vê-lo em qualquer lugar, sem depender de uma rede Wi-Fi, por exemplo.

6. Tenha um diferencial

Para viralizar, é importante que o seu conteúdo não seja genérico, igual a todos os outros. Ofereça um post que seja diferente do que o público está acostumado a ver, até mesmo para afastar a sensação de cópia.

É interessante, ainda, que o post seja relevante e de qualidade. Procure fazer uma publicação que faça sentido para a sua audiência, e que cause o desejo de compartilhar com outras pessoas, exatamente pela utilidade do conteúdo.

7. Não esqueça das hashtags

As hashtags são ferramentas poderosas para levar o seu conteúdo mais adiante. Tratam-se de palavras-chave relacionadas ao assunto do seu post, capazes de trazer mais pessoas ao seu perfil.

Ao utilizar a hashtag #direito, por exemplo, as pessoas que procurarem por essa palavra-chave poderão encontrar a sua publicação. Dessa forma, você pode usar várias hashtags, desde que realmente tenham a ver com o seu conteúdo, e aguardar que os usuários te encontrem.

Outra forma de ser encontrado é pela própria recomendação da rede social, como acontece no Instagram. Um usuário, ao curtir um post sobre determinado assunto, terá a recomendação de posts semelhantes.

Numa situação como essa, seu conteúdo pode chegar a um usuário que pode se interessar não apenas pelo seu perfil, mas pelos seus serviços.

Exemplos de hashtags interessantes para o seu conteúdo viral é #direito, #advogado, #direito+sua área de atuação, #advogado+sua área de atuação, #serviço que você presta – como #divórcio ou #pensãoalimentícia -, entre outras.

8. Foque na qualidade

A qualidade do seu conteúdo não deve ficar em segundo plano, mas em primeiro. Mais importante do que viralizar, é ter uma publicação de qualidade, entendível e que gere identificação com o público.

Fique longe da superficialidade. Mesmo em um curto espaço de tempo, procure ter o melhor conteúdo possível, a fim de oferecer o seu melhor para os seus potenciais clientes.

Lembre-se também de falar com autoridade. Se você quer se tornar uma autoridade digital na sua área, assuma que você é um bom profissional e que sabe sobre o que está falando. Seja firme e deixe a timidez de lado, principalmente em vídeos.

9. Atente-se às normas da OAB

Por fim, é essencial que você tenha atenção e siga as normas da Ordem dos Advogados do Brasil quanto à publicidade jurídica. Quando falamos de conteúdo viral específico para advogados, é preciso ter esse cuidado, uma vez que, sem ele, você corre o risco de levar punições.

Todo e qualquer conteúdo jurídico deve ser informativo e educativo, sem configurar captação de clientela ou a mercantilização da profissão. Dessa forma, concentre-se em entregar um material relevante, explicativo, sem nenhum tipo de expressão que incentive a contratação ou o litígio, e que esteja de acordo com a discrição e sobriedade da advocacia.

Para saber mais sobre as normas da OAB para conteúdos em redes sociais, veja o que diz o Código de Ética e Disciplina da Ordem e o Provimento 205/2021, que fala exclusivamente sobre a publicidade no âmbito jurídico.

Por que apostar em um conteúdo viral?

O conteúdo viral tem o poder de te levar a um público maior do que aquele que você já tem, sem que você gaste nenhum dinheiro para isso. Dessa forma, você agrega mais visibilidade para o seu negócio.

Este tipo de conteúdo pode funcionar assim como o impulsionamento de publicações, em que você paga para chegar a mais pessoas, mas tem o benefício da gratuidade.

Uma vez que uma publicação sua impacta mais pessoas do que o normal, as chances de contratação também aumentam consideravelmente.

Por mais que você chegue a um público que, a princípio, não se interesse pelos seus serviços, a probabilidade de chegar em quem está precisando de auxílio jurídico ainda existe e é maior do que em posts normais.

Como levar mais pessoas para o meu site de advogado com um conteúdo viral?

Com o conteúdo viral para advogados, você amplia a sua visibilidade. É possível ter mais visualizações no seu perfil da rede social, que podem resultar em mais inscrições ou seguidores e mais curtidas e compartilhamentos, e também no seu próprio site jurídico.

Para isso, você pode colocar o link do site em alguma posição estratégica do conteúdo, como no final do texto ou na legenda do vídeo ou imagem. Outra opção é colocar o link na sua Bio – o que acontece no Instagram.

Nesta mesma rede social, por exemplo, quando atingir mais de 10 mil seguidores, você ainda pode adicionar o recurso de arrastar para cima nos stories e levar seu público direto para a sua página profissional.

Ter mais acessos nas suas redes sociais é um ótimo resultado. Porém, esse não deve ser o único objetivo. Ao ter mais acessos também no seu site, seu público pode ficar mais informado sobre a sua área de atuação e serviços prestados, além de poder consultar os artigos mais completos no seu blog.

Diferente das redes sociais, o site é uma página independente, que transmite mais credibilidade e profissionalismo, agregando muito mais valor ao negócio. Por isso, criar um site pode demandar muito trabalho ou muito dinheiro, o que pode ser um obstáculo nessa tarefa.

Com a Justamente, você pode criar o seu próprio site em menos de 5 minutos e ter uma página profissional para apresentar aos seus clientes de forma rápida e prática.

A Justamente é uma plataforma gratuita de criação de sites, pensada por advogados e para advogados. Os sites oferecidos são desenvolvidos por programadores, web designers e desenvolvedores, o que garante total profissionalismo à página criada.

Para fazer o seu, faça um cadastro com um e-mail e senha e responda algumas perguntas sobre o seu escritório, como áreas de atuação e serviços prestados. Para finalizar, escolha o tema com cor e fonte, que podem ser alterados a qualquer momento.

Feito isso, seu site estará pronto e você já poderá divulgá-lo para seus clientes, amigos e familiares, e utilizá-lo no seu conteúdo viral, além de colocá-lo na sua assinatura de e-mail, cartão de visitas e outros materiais.

Ainda tem dúvidas sobre como podemos te ajudar na criação do seu site jurídico? Entre em contato conosco! Ligue para (11) 96190-0210 ou escreva para [email protected]

Veja também!